NOSSO BLOG

METAS SMART – O que são e como vão te ajudar

Traçar metas e objetivos são sempre essenciais – seja dentro de uma empresa ou de conquistas pessoais. É dela que vem o direcionamento e a possibilidade de alcançar nosso objetivo.

Dentro de uma empresa, traçar metas ajuda a aumentar a produtividade dos colaboradores, e assim, resulta em melhores números para o negócio.

Podemos pensar que, por exemplo, queremos aumentar o número de vendas de tênis, porém não temos mais nenhuma informação a respeito. Não temos quanto vamos aumentar, como vamos aumentar essas vendas, quais recursos teremos disponíveis e nem em quanto tempo temos que aumentar. Assim seu objetivo fica vago. É preciso traçar metas para medir o desempenho, e assim, saber quanto tempo temos, quais os recursos iremos utilizar e como chegaremos em nosso objetivo.

Basicamente, as metas servem como um direcionamento para chegarmos onde queremos. Porém, quando falamos de Marketing Digital, temos inúmeras oportunidades e alternativas de crescer. Cada um com o seu investimento necessário e com a sua forma de retorno. É necessário observar quais são as melhores alternativas para o atual momento da sua empresa e assim criar um bom plano de ação.

            Talvez essa seja a hora que você está se perguntando: como as metas SMART entram nesse assunto? A resposta está AQUI!

As metas SMART são uma forma eficiente de criação de metas, funciona como uma lista onde você vai dando check em cada uma, sendo todas as metas verificadas, analisadas e possuindo requisitos para serem atingidas. Mas você sabia que, cada letra da palavra SMART tem o seu significado? Continue a leitura para saber mais.

 

S — Specific, ou específica

As metas precisam ser específicas, você deve pensar em cada detalhe da sua meta que deseja traçar. Lembre-se, quanto mais detalhe, melhor, mas alguns são extremamente importantes e não podem ser deixados de lado. As principais são aquelas que te dizem como alcançar a meta.

Para ser específica as metas devem responder as seguintes perguntas:

·         O que eu pretendo alcançar?

·         Quem vão ser os responsáveis por essa meta?

·         Onde ela será realizada?

·         Como ela será conquistada?

·         Por que ela deve ser seguida?

Respondendo essas perguntas você terá uma meta específica. Mas para ser metas SMART ainda faltam alguns detalhes.

M — Measurable, ou mensurável

Para que você tenha um controle de como está indo suas metas, elas precisam ser mensuráveis, ou seja, precisam ser medidas, não necessariamente com números, mas quanto mais fácil for melhor para você apresentar aos seus colaboradores, melhor. Para uma meta ser SMART ela deve ser mensurada, pois além de ter um controle, você terá uma direção.

Para que sua meta seja mensurável, ela deve responder perguntas como:

·         Qual é o resultado esperado?

·         Quanto tempo será necessário para que minha equipe chegue nessa meta?

Essa é mais uma etapa para sua empresa adquirir as metas SMART.

A — Attainable ou atingível

Apesar de parecer óbvio, muitas pessoas erram ao escolher metas inatingíveis, que estão fora do alcance no momento. As metas criadas devem ser desafiadoras, porém nunca inalcançáveis. Você pode até ter um objetivo grande que talvez não seja plausível no momento, mas suas metas devem ser menores e aumentar gradativamente, até que seu objetivo maior seja alcançado. É como um videogame, primeiro você vence os pequenos objetivos até chegar ao topo, para depois enfrentar o chefão.


Para uma meta relevante devemos avaliar situações como essa: 

·         É possível atingir o objetivo traçado com base no nosso histórico e outras métricas que temos?

·         Nossos colaboradores acham essa meta tangível?

·         Temos todos os meios necessários para atingi-la?

 

Até agora sabemos que nossas metas devem ser específicas, baseada onde queremos chegar e saber como chegar ao sucesso, sabemos também que ela deve ser medida, ou seja, é preciso medir para apresentar crescimentos ou quedas para nossos colaboradores, e também sabemos que todas as metas traçadas devem ser atingíveis, para evitar frustação de toda equipe e os desmotivá-los. Com essas três etapas já temos bons direcionamentos para nossas metas, mas podemos lapidar e deixar elas ainda melhores com as últimas duas letras.

R — Relevant, ou relevante

Considerando que nossas metas sejam atingíveis, quanto mais relevante for a sua meta, mais a equipe vai ter determinação para suar a camisa e correr atrás dessa meta. Geralmente, uma meta que não gera efeitos sobre o negócio, nem sempre será tratada como prioridade.

Tenha uma meta realista e relevante, seja determinado a alcançá-la. Isso vai trazer animação e vontade de fazer acontecer, tanto para você quanto para toda a equipe.

 

T — Time based, ou tempo

Toda meta deve ter um tempo a ser cumprido, afinal, sem isso nossa meta pode ser de 1 dia até 1 ano. Portanto, devemos ter tempo para nossas metas, quando existe um prazo de entrega, acaba gerando um ‘’senso de urgência’’ fazendo com que a equipe se esforce mais para entregar a meta pronta antes do prazo definido.

Exemplo de uma meta SMART

Temos uma loja de roupa e nosso objetivo é aumentar o número de peças por vendas em 10% no período de 1 mês.

Sabemos que ela é específica, pois temos o que queremos alcançar, sabemos que os vendedores são responsáveis por essa meta, ela vai ser realizada na loja, vamos conquistar ela com técnicas de vendas e agregando produto, seguiremos ela porque teremos um maior lucro ao fim do mês.  Sabemos também que ela é mensurável, pois o resultado esperado é atingir o aumento nas vendas de peças agregadas e temos o tempo necessário de um mês. Sabemos que ela é atingível, pois alguns meses atrás levantamos a mesma meta com o objetivo no aumento de 5% e batemos ela facilmente chegando a 15%. Porém, devido alguns estudos e estatísticas analisadas, achamos esse número inatingível no momento, então abaixamos para 10% em um mês.

Sabemos que ela é relevante, pois aumentando ela, aumentamos o número de vendas e o valor médio de cada venda, tendo assim, um faturamento mensal maior.

E temos nosso prazo de um mês para alcançarmos nossa meta.

Uma meta simples, mas que atende todos os itens que listamos acima, toda a equipe estará envolvida e empenhada a conquistar os números estabelecidos e todos têm a ganhar, desde a equipe de vendas até a empresa.

Quando você cria as metas SMART para sua empresa, começa a entender o famoso ditado ‘’metas foram feitas para ser batidas’’.

Utilize as Metas SMART na sua empresa para continuar sendo tangível e atingir benefícios ótimos para seu negócio!

Quer melhorar ainda mais o gerenciamento de sua empresa?

 Nos envie uma mensagem – estamos à disposição para te ajudar

 

 17 99787-2247

Share on facebook
Compartilhar
Share on google
Compartilhar
Share on twitter
Twittar
Share on linkedin
Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diogo Sampaio

Diogo Sampaio

Diretor Comercial

Facebook